Ainda vamos ver muitas fugas de Thomas de Gendt com a camisola da Lotto-Soudal

Depois de uma gloriosa passagem pela Vacansoleil onde alcançou o 3º lugar no Giro em 2012, conjuntamente com 5 vitórias no World Tour, e de uma fugaz estadia na Omega Pharma – Quick Step, Thomas de Gendt encontrou uma segunda casa na Lotto-Soudal.



A formação belga identifica-se com Thomas de Gendt e um dos maiores especialistas em fugas da actualidade encontrou na Lotto-Soudal o local ideal. Não tem de trabalhar para um líder para a classificação geral e todos têm liberdade em certas etapas, pois a equipa aposta claramente em vitórias em etapa. Ocasionalmente tem de trabalhar para o seu sprinter, somente nas jornadas onde sabe que não tem teoricamente hipóteses.

Desde que entrou para a Lotto-Soudal somou 8 triunfos, todos eles no World Tour, todos eles grandes vitórias. Ganhou 3 etapas na Volta a Catalunha, 2 na Volta a França. 1 na Volta a Espanha, 1 no Tour de Romandie e 1 no Criterium du Dauphine. Em 7 dos 8 sucessos cortou a meta isolado, a única excepção foi a 19ª etapa da Vuelta em 2017, onde triunfou através de um grupo reduzido, em mais uma fuga.



Thomas de Gendt é, de longe, um dos elementos mais importantes da Lotto-Soudal, e por isso mesmo, foi uma das primeiras renovações anunciadas pela equipa belga, renovando contrato até 2022. Neste momento a equipa conta com 16 ciclistas confirmados para 2021, sendo que 7 dos 16 corredores têm menos de 25 anos.

, , , , ,