Juventude toma de assalto Herald Sun Tour

O Verão Australiano no que respeita chegou ao ser término no dia de hoje. Para trás, mais uma semana de competição, desta vez com a 67ª edição do Herald Sun Tour. Três etapas ao sprint, duas duras chegadas em alto, com 4 equipas World Tour presentes.



O primeiro dia trouxe a primeira vitória enquanto ciclista profissional para o campeão europeu sub23 Alberto Dainese. O italiano da Team Sunweb superou, no sprint final, o também jovem Kaden Groves e Moreno Hofland para celebrar em Shepparton.

O dia seguinte trazia o primeiro teste para a classificação geral, com a ascensão a Falls Creek (19 kms a 5%). Simon Yates era o nome mais sonante mas teve um dia muito mau cedendo quase 6 minutos. O triunfo discutiu-se entre Jay Hindley, Damien Howson e Sebastian Berwick, com o corredor da Team Sunweb a ser o mais forte no sprint final. A liderança mantinha-se na equipa alemã, em mais uma vitória da juventude.



Antes da decisiva chegada em alto, tempo para nova etapa para os homens rápidos. Kaden Groves vingou-se da derrota sofrida no primeiro dia e bateu, no sprint, Alberto Dainese e Mihkel Raim. No dia seguinte, o Mount Buller foi o palco de todas as decisões na geral e os protagonistas voltaram a ser os mesmos. Desta vez, apenas Hindley e Berwick chegaram juntos e foi, novamente, o líder a ser o mais forte e a levantar os braços. Jay Vine foi 3º na tirada, a 9 segundos.

Já hoje, pela madrugada, disputou-se a derradeira etapa, pelas ruas de Melbourne. Uma nova chegada ao sprint voltou a acontecer e foi Kaden Groves quem voltou a sorrir. O jovem da Mitchelton-Scott somou novo triunfo, com o seu companheiro Dion Smith a ser 2º e Moreno Hofland, novamente, 3º.

Esta prova foi um domínio absoluto da Team Sunweb e da Mitchelton-Scott. A equipa alemã venceu 3 etapas (Jay Hindley por duas vezes e Alberto Dainese), a classificação geral e a classificação da montanha (ambas com Jay Hindley), ao passo que a formação australiana triunfou nas restantes duas chegadas (Kaden Groves) e ainda colocou Damien Howson no 3º lugar final. Destaque, mais que merecido, para Sebastian Berwick, vencedor da juventude e 2º na geral. Benjamin Hill esteve em fuga todos os dias, fez uma gestão perfeita do seu esforço e arrecadou a classificação por pontos.



Jay Hindley com 23 anos, Sebastian Berwick com 20, Alberto Dainese e Kaden Groves com 21 foram os principais animadores desta competição. Uma prova que a juventude se começa a afirmar no panorama internacional.

, , , , , , ,