Menu da semana #4 [10/02/20 – 16-02-20]

Mais uma semana bastante movimentada no calendário internacional, especialmente na parte final. Para já temos o Tour de Langkawi a decorrer, com muitos sprinters em acção e vitórias variadas até agora. Depois da chegada em alto de hoje tudo deverá estar decidido em relação à geral.



Não é a corrida mais conceituada nem com mais tradição, mas será talvez a mais mediática esta semana. Falamos no Tour Colombia 2.1, com a 3ª edição a decorrer de 11 a 16 de Fevereiro. Uma prova da categoria 2.1 e com 6 equipas World Tour, incluindo nomes como Egan Bernal, Richard Carapaz, Julian Alaphilippe, Sergio Higuita, Rigoberto Uran, Fabio Aru, Sergio Henao, Alvaro Hodeg ou Bob Jungels.

Não está cá Miguel Angel Lopez para defender o título e tudo se deve decidir na última tirada, com uma chegada em alto acima dos 3000 metros de altitude. Outro ponto de interesse para os portugueses é a presença pelo 2º ano consecutivo da Efapel, com Joni Brandão, António Carvalho, César Fonte, Rafael Silva, Nicolas Saenz e Gerard Armillas.

Em França teremos um Tour de la Provence renovado, que subiu à categoria 2.Pro e que conta cum uma chegada em alto ao Mont Ventoux, desta vez vão ser os puros trepadores a ter uma palavra a dizer. O pelotão mais parece o de uma prova World Tour e Nairo Quintana parte como um dos candidatos pelo que mostrou nos Nacionais, tendo ainda a Arkea-Samsic o francês Warren Barguil.



A Arkea terá a concorrência da Ineos, com Sivakov, Moscon e Dunbar, da Sunweb, com Kelderman e Oomen, e da Groupama-FDJ, com Gaudu e Pinot, enquanto puros trepadores como Jan Hirt, Hugh Carthy ou Sepp Kuss correm um pouco por fora. Veremos também como está Kasper Asgreen e Ruben Guerreiro na sua estreia pela EF Education First.

Sexta e Sábado haverá corrida em Espanha com a tradicional Vuelta a Murcia. Será um ponto forte de interesse para o ciclismo português devido à presença do Aviludo-Louletano (com Vicente de Mateos, Márcio Barbosa, David de la Fuente, Sergey Shilov, Jesus del Pino, Nuno Meireles e Oscar Hernandez) e ainda os lusos Daniel Viegas, Ricardo Vilela e Nelson Oliveira em formações estrangeiras. Luis Leon Sanchez defende o título conquistado e para além de Alejandro Valverde terá de contar com a Bora-Hansgrohe e Ruben Fernandez para a luta.

Depois no Domingo é dia de clássicas. Em Itália o Trofeo Laigueglia tem muitas vezes o condão de uma grande surpresa como a começar a época, os casos de Andrea Fedi ou Simone Velasco. Velasco está aqui para defender o título, agora na Gazprom e alguns dos rivais já confirmados são Davide Cimolai, Giovanni Visconti, Diego Rosa e Andrea Vendrame. Na Clássica Almeria, em Espanha, espera-se um duelo entre homens rápidos e preparam-se Elia Viviani, Luka Mezgec, Jon Aberasturi, Pascal Ackermann, Bryan Coquard, Alexander Kristoff e Rudy Barbier para lutar pelo triunfo.



Por fim, nota ainda para o calendário português, com a Prova de Abertura que irá decorrer no próximo dia 16 de Fevereiro. Será a primeira prova pontuável para a Taça de Portugal Jogos Santa Casa e tem início em Albergaria-a-Velha e final em Vagos, num percurso acessível de quase 175 kms. Ainda não há lista de participantes oficial, mas espera-se um duelo entre os melhores sprinters nacionais.

, , , , , , , , , , , , , , , ,