Movistar define o plano para a “nova” temporada

O aproximar do regresso da competição faz com que as equipas divulguem o calendário dos seus ciclistas e, hoje, foi a vez da Movistar. Numa conferência de imprensa virtual, com cada um em sua casa, Eusebio Unzué, Alejandro Valverde, Marc Soler e Enric Mas falaram sobre a “nova” temporada de 2020.



Antes da pandemia de COVID-19 parar o ciclismo e o Mundo, o plano da Movistar era levar Valverde, Soler e Mas ao Tour de France com os dois primeiros a fazerem, também, a Vuelta. No entanto, o novo calendário condensa as provas em apenas 3 meses e, por isso, foram precisos fazer ajustes.

Alejandro Valverde vai manter os planos iniciais, que aqui já tínhamos noticiado, e irá fazer o Tour de France e a Vuelta a Espanha. Em ambas as Grandes Voltas compartilhará a liderança da equipa espanhola com Enric Mas que, assim, fará duas provas de 3 semanas em 2020, ao contrário do que era expectável. Marc Soler receberá um voto de confiança e será o líder indiscutível no Giro d’Itália. A juntar a tudo isto, os três espanhóis recomeçaram a temporada a 28 de Julho, na Vuelta a Burgos, seguindo-se, depois o Criterium du Dauphine, já na segunda semana do mês de Agosto.



Eusebio Unzué comentou as escolhas feitas afirmando que “é uma oportunidade para o Enric, em conjunto com o Alejandro, continuar a ganhar experiência nas Grandes Voltas e adaptar-se, ainda mais, à nossa equipa. Por outro lado, o Marc merece esta oportunidade de liderar a equipa numa prova de três semanas depois de tudo o que mostrou nas últimas temporadas e terá uma equipa forte para o apoiar.”

, , , , , , , , , ,