O percurso e as equipas do Troféu Joaquim Agostinho 2020

O Troféu Joaquim Agostinho irá para a estrada entre 18 a 20 de Julho na região Oeste. A tradicional prova portuguesa tem o privilégio de ser uma das primeiras competições internacionais nesta retoma do ciclismo, ainda para mais quando o World Tour só tem início em Agosto.




Já tinha sido anteriormente anunciado que a corrida passaria a ter apenas 3 etapas em vez das habituais 4 em 2020, hoje a organização confirmou o percurso, com mais algumas alterações à norma. O contra-relógio que costuma ser no Turcifal será em Torres Vedras, com a extensão de 5,4 kms. A 2ª etapa essa sim começa no Turcifal e termina novamente em Torres Vedras, muito provavelmente com o habitual circuito de Torres. A 3ª e última tirada terá cerca de 170 kms, com final no Alto do Montejunto.

Fica de fora a chegada a Arruda dos Vinhos/Sobral de Monte Agraço, que geralmente termina num sprint em pelotão compacto. Será um importante teste das normas de segurança tendo em vista a Volta a Portugal, principalmente no Domingo na chegada a Torres Vedras. É um circuito que costuma ter muito público e segundo as normas publicadas nos últimos dias não serão autorizadas aglomerações com mais de 20 pessoas.

Em relação ao alinhamento das equipas, será ligeiramente mais curto que o habitual, foi algo que a Federação Portuguesa de Ciclismo se comprometeu com a DGS. Estarão presentes as 9 equipas Continentais portuguesas e 2 equipas de clube/sub-23, uma delas a Sicasal – Torres Vedras, a equipa local.




Quanto a formações estrangeiras, a maior concorrência virá do país vizinho, segundo conseguimos apurar. A Burgos-BH dos portugueses Ricardo Vilela e José Neves (vencedor em 2018 e 2º em 2019) marcará presença. A equipa Profissional Continental ainda conta com Jetse Bol, Angel Madrazo, Jesus Ezquerra, Diego Rubio ou Juan Felipe Osorio, que tão bem andou na Volta a Portugal.

A Fundacion Euskadi é um perigo se vier na máxima força com Juan Lobato e Ruben Fernandez (ex-Movistar que brilhou na fase inicial da temporada). A Lokosphinx também deverá marcar presença, a equipa russa é uma presença assídua, veremos o que consegue fazer com um plantel mais frágil. Por fim, a Kern Pharma fechará o lote de equipas, uma formação recente que conta com Enrique Sanz como grande líder (não há chegadas para as suas características) e ainda tem Urko Berrade, que lutou com Emanuel Duarte na Volta a Portugal pela classificação da juventude.

Foto: João Fonseca Photographer

, , , , , ,