Roglic vence duelo de titãs e é o novo campeão esloveno

O tão aguardado regresso do ciclismo aconteceu hoje! Poucos minutos passavam das 13 horas quando se deu o tiro de partida e tivemos a primeira fuga desde o regresso do ciclismo. Jan Tratnik, Matic Groselj, Ziga Horvat e Nik Cemazar formaram o quarteto de escapados que nunca teve mais de 4 minutos de vantagem.



Numa primeira fase viu-se a Meblo Jogi Pro-Concrete a perseguir. Uma equipa desconhecida mas que tem nas suas fileiras Tilen Pogacar, irmão de Tadej, ou seja, estava formada a primeira aliança do dia. Primeira porque depois apareceu Luka Mezgec na frente do pelotão, trabalhando para Primoz Roglic, já que Jan Polanc fazia o seu serviço para Pogacar.

Paulatinamente, a diferença entre o pelotão e a fuga foi diminuindo, com a fuga a entrar com pouco mais de 30 segundos na subida final. Foi aí que Jan Tratnik tentou a sua sorte. O mais conceituado dos fugitivos ganhou logo vantagem e tentava a sua sorte em solitário.

A cerca de 5 quilómetros do fim, já o pelotão estava reduzido a pedaços, com Domen Novak, Matej Mohoric, Janez Brajkovic, Tadej Pogacar e Primoz Roglic a serem os mais fortes na perseguição a Tratnik. A diferença era de 30 segundos.



Vendo a diferença a não cair, Primoz Roglic lançava-se ao ataque a 4000 metros da chegada, com Tadej Pogacar a não ir ao choque, chegando algum tempo depois à roda do ciclista da Jumbo-Visma.  O duo manteve-se unido até ao final, onde Roglic atacou forte para o triunfo, conquistando a primeira vitória da temporada e o desejado título nacional. Pogacar foi 2º, a 10 segundos, e Matej Mohoric 3º, a 39.





, , , , , , ,