Trek-Segafredo com plano definido para Tour e Giro

28 de julho vai marcar o regresso à competição da Trek-Segafredo, na Vuelta a Burgos e, a cerca de um mês dos ciclistas voltarem a pedalar de forma oficial, os responsáveis da equipa norte-americana revelaram os seus planos para o Tour de France e para o Giro d’Itália.



Há mais de um mês que Vincenzo Nibali foi anunciado como líder para a Volta a Itália, ficando a liderança da Volta a França encarregue a Bauke Mollema e Richie Porte, como aqui noticiamos. Agora foi altura de anunciar uma pré-seleção de 9 ciclistas para cada uma das provas, sabendo que apenas 8 vão alinhar à partida.

Giulio Ciccone, Gianluca Brambilla, Nicola Conci, Jacopo Mosca, Antonio Nibali, Julien Bernard, Koen de Kort e o mais recente reforço Pieter Weening são os corredores que poderão fazer parte do alinhamento para o Giro e apoiar Nibali na tentativa da conquista da 3ª Grande Volta italiana.

Para o Tour de France, a lista de 9 ciclistas é composta pelos já mencionados Bauke Mollema e Richie Porte, a quem se juntam Jasper Stuyven, Niklas Eg, Alex Kirsch, Toms Skujins, Edward Theuns, Kenny Elissonde e o campeão do Mundo Mads Pedersen.



De forma a preparar estas duas Grandes Voltas da melhor maneira possível, o mês de Julho será destinado a estágios em altitude. O bloco da Volta a Itália vai concentrar-se no Passo San Pellegrino, nos Dolomitas de 10 a 25 de Julho, onde apenas faltarão Koen de Kort e Julien Bernard.

Já Isola 2000, em Provence-Alpes-Côte d’Azur, de 12 a 28 de Julho, servirá para os elementos pré-selecionados para a Volta a França fazerem o seu estágio. Dos nomes já elencados somente Kenny Elissonde e Mads Pedersen não estarão neste estágio. Julien Bernard, pré-selecionado para o Giro, estará presente, numa medida de evitar viagens para Itália, ficando por França.



, , , , , , , ,