Imbatível Nathalie Eklund mete a quarta e não deixa nada para ninguém na Volta a Portugal Feminina

Quarto e último dia da Volta a Portugal Feminina, um dia com final em Anadia, no circuito que será palco dos Campeonatos da Europa de juniores e sub-23. Esse circuito, com duas subidas (Alto de Algeriz e Monte Castro), foi percorrido por duas vezes e logo a primeira passagem fez muitas vítimas.



O ritmo alucinante imposto no pelotão reduziu o grupo das favoritas a apenas 15 ciclistas e na volta final os ataques deixaram apenas 4 atletas na frente, sendo elas Nathalie Eklund, Mireia Benito, Ruth Shier e Vera Vilaça.

Com duas ciclistas na frente, a Massi Tactic manteve o controlo da corrida e, na inclinada chegada a Anadia, Nathalie Eklund voltou a mostrar que é a ciclista mais rápida do pelotão da Volta a Portugal Feminina, conquistando o 4º triunfo em 4 dias. A dureza da chegada provocou cortes, com Ruth Shier e Vera Vilaça a chegarem a 1 segundo e Mireia Benito a 4. As diferenças foram significativas, com o primeiro grupo perseguidor a chegar a 39 segundos.



Desta forma, e com o domínio absoluto desde quinta-feira, Nathalie Eklund sagrou-se a grande vencedor da Volta a Portugal Feminina. A sua companheira Mireia Benito foi 2ª a 18 segundos e, no último dia, Vera Vilaça conseguiu subir ao pódio, terminando em 3º a 32 segundos. Benito venceu as restantes classificações secundárias, pontos e montanha, e a Massi Tactic foi, logicamente, a melhor equipa. Também da equipa espanhola, Mireia Trías venceu a juventude.

Results powered by FirstCycling.com

Foto: FPC

, , , , , ,