LA Alumínios apresenta plantel para 2019 com muitas caras novas

A LA Alumínios escolheu o dia 31 de Outubro para desvendar grande parte do seu plantel para a temporada de 2019, isto após a equipa já ter realizado um estágio dias 27 e 28 de Outubro, onde os ciclistas tiveram oportunidade de conhecer melhor os seus novos colegas de equipa.




Para já são 8 os corredores confirmados, 5 contratações e 3 renovações, sendo que os ciclistas que transitam de 2018 são David Ribeiro, Gonçalo Leaça e Fábio Oliveira. Num alinhamento que é todo ele extremamente jovem, estes 3 corredores não fogem à regra, David Ribeiro tem 23 anos, Gonçalo Leaça (que foi 21º no G.P.N2) tem 21 anos e Fábio Oliveira completou o seu 24º aniversário há 1 semana.

Relativamente aos reforços, os 24, quase 25 anos de António Barbio até parecem muitos nesta conjuntura de uma formação tão jovem. O que é certo é que Barbio já tem muita experiência, passou 2 anos na Efapel, onde ganhou 1 etapa na Volta a Portugal e liderou a Miranda-Mortágua em muitas provas durante a época de 2018. Ganhou o Memorial Bruno Neves, foi 6º no G.P. Abimota e 15º no Troféu Joaquim Agostinho. António Barbio já foi, por exemplo, campeão nacional de juniores em contra-relógio e procura afirmar-se ainda mais no ciclismo nacional.




André Crispim é outra das contratações, saindo da Liberty Seguros Carglass após 4 temporadas na formação comandada por Manuel Correia. Parte para uma nova aventura aos 22 anos, depois de alguns bons resultados no escalão sub-23, particularmente no contra-relógio. Um ciclista completo e consistente, falhou a Volta a Portugal devido a queda, mas recuperou a tempo de contribuir para o triunfo de Venceslau Fernandes na Volta a Portugal do Futuro.

Muita atenção a André Ramalho, também ele com 22 anos e também ele sai de uma ligação de 4 anos com a anterior equipa, desta vez o Clube Ciclismo José Maria Nicolau. Como júnior representou a selecção nacional, fez top 10 nos Nacionais em sub-23, foi 11º na Volta a Portugal do Futuro em 2017 e alinhou este ano na Volta a França do Futuro, ainda tentando conciliar o ciclismo com os estudos. Tem na montanha o seu terreno predilecto.




Emanuel Duarte passou pela Sicasal e pelo Bombarral antes de chegar à LA Alumínios com 21 anos. Foi um excelente junior da sua geração e conseguiu o 13º posto na Volta a Portugal do Futuro em 2018. O último reforço é Leonel Firmino, e o mais jovem de todos, somente com 19 anos, foi 5º nos Nacionais de juniores em 2017 e 14º nos Nacionais de sub-23 em 2018.

Globalmente parece-nos uma melhoria face ao plantel de 2018, principalmente porque já contará com ciclistas com experiência a este nível competitivo, e isso pode fazer a diferença.

, , , , , , , , , , ,