Eli Iserbyt volta às vitórias na Taça do Mundo

Mais um domingo de Taça do Mundo de Ciclocrosse, hoje com a prova de Koksijde, competição marcada pelos muitos setores de areia. Depois de umas primeiras voltas de marcação entre os principais candidatos, a prova começou a decidir-se na 4ª volta quando Eli Iserbyt, Toon Aerts e Quinten Hermans abriuram espaço para a concorrência.



O trio foi pedalando em conjunto, a espaços foi-se atacando mutuamente e isso levou a que Hermans não conseguisse seguir o ritmo. Depois de vários ataques e contra-ataques, Iserbyt mostrou ser o mais forte, atacando perto da penúltima passagem pela meta. O ex-campeão da Europa teve que continuar a ritmo elevado, já que as diferenças eram curtas.

O ciclista da Pauwels Sauzen-Bingoal aguentou a pressão dos seus rivais e, no final, festejava a 4ª vitória na Taça do Mundo, reforçando a liderança da competição. Num pódio totalmente belga, Laurens Sweeck fez uma recuperação incrível, terminando em 2º, a apenas 4 segundos, e Toon Aerts foi 3º, a 7 segundos. Nas contas da Taça do Mundo, Iserbyt tem 245 pontos, contra os 176 de Toon Aerts e os 175 de Lars van der Haar (5º hoje).



A prova feminina viu uma nova ciclista erguer os braços na Taça do Mundo. Annemarie Worst foi a mais forte, vencendo com 17 segundos de vantagem para Denise Betsema e 37 para a campeão da Europa e do Mundo Lucinda Brand. Destaque para o top-9 apenas com ciclistas neerlandesas. Nas contas da Taça do Mundo, Brand lidera com 212 pontos, contra 198 de Betsema e 161 de Puck Pieterse (7ª hoje).

, , , , , ,