Jasper Philipsen vence em Frankfurt e continua com temporada de sonho

Não é só de Campeonatos do Mundo que o domingo de ciclismo foi feito. O World Tour deslocou-se até à Alemanha para a Eschborn-Frankfurt, uma tradicional clássica. Deslocada do habitual 1 de Maio, este ano serviu de preparação para os Mundiais. Luke Durbridge, Erik Ressel, Simone Velasco, Boris Vallee e Mathias Norsgaard marcaram a fuga do dia.




A parte mais dura do dia estava no miolo da competição e aí viram-se muitos ataques, anulando a fuga. Michael Matthews, Ben Hermans, Dylan Teuns, Gianluca Brambilla, Mike Teunissen e Lucas Hamilton eram alguns dos 15 ciclistas que atacaram no pelotão e conseguiram estar na frente até aos 9 quilómetros para o fim. Cofidis, UAE Team Emirates e Bora-Hansgrohe uniram esforços e tudo se decidiu ao sprint.

Várias equipas foram passando pela frente na aproximação à meta em Frankfurt mas foi a Alpecin-Fenix a aparecer nos metros finais. Apenas com 2 ciclistas, o mini-comboio funcionou na perfeição, com Alexander Krieger a lançar na perfeição Jasper Philipsen. John Degenkolb tentou surpreender, lançando o sprint de longe, mas o belga estava mais forte e, no final, ultrapassou o ciclista da Lotto Soudal para conquistar a clássica alemã. Alexander Kristoff completou o pódio, continuando com o seu excelente registo aqui, o 6° pódio consecutivo.




, , , ,