Ambicioso Remco Evenepoel revela objetivos para 2020

2019 foi o ano de estreia de Remco Evenepoel entre a elite. Com apenas 19 anos, ganhou a Volta a Bélgica, a Clasica San Sebastian e etapas na já referida Volta a Bélgica e na Adriatica Ionica Race. A juntar a tudo isto, foi campeão europeu de contra-relógio e vice-campeão mundial de contra-relógio, entre os elites!



Uma temporada de luxo que deixa água na boca para 2020. O ano está a terminar e os grandes objetivos do jovem belga estão já bem definidos. Liège-Bastogne-Liège, Jogos Olímpicos de Tóquio, Mundiais de Martigny e Il Lombardia são as provas onde Evenepoel quer estar no máximo da sua condição física. Dois Monumentos e as duas provas mais importantes de seleções, o que demostra a enorme ambição do ciclista de 19 anos.

A nova época irá arrancar na Argentina, com a Vuelta a San Juan, tal como aconteceu esta temporada e onde o belga foi 9º, vencendo a juventude, depois de muito trabalhar para Julian Alaphilippe. A La Flèche Wallone está, também, no calendário de Evenepoel mas não só!



O corredor da Deceuninck-QuickStep vai fazer a sua estreia em Grandes Voltas, estando à partida em Budapeste para a 103ª edição do Giro d’Itália. No dia 9 de maio, Evenepoel terá 20 anos e será, com toda a certeza, um dos mais jovens ciclistas à partida mas isso não o irá impedir de ser um dos candidatos a várias etapas da competição italiana.



, , , , ,