O renascer de Fabio Jakobsen!

Inicialmente uma etapa de 171 quilómetros entre Verviers e Herve e palco para as primeiras decisões da classificação geral, a organização foi obrigada a encontrar uma solução de recurso para colocar na estrada o 2º dia de competição. As cheias que estão a afetar o centro da Europa levaram ao cancelamento da tirada como estava prevista e a solução encontrada foi fazer a etapa no circuito de automobilismo de Zolder. 30 voltas ao circuito de 4 quilómetros, dando uma nova oportunidade aos sprinters.



Quentin Hermans, Juan Pedro Lopez, Erik Resell, Gianni Marchand, Dries de Bondt, Logan Owen e Toon Aerts marcaram a fuga do dia, uma escapada com vários nomes importantes e que viu a Jumbo-Visma e a Israel Start-Up Nation controlar de perto devido à curta quilometragem da etapa.

A 15 quilómetros do fim, a fuga era alcançada, ficando a faltar apenas 4 voltas e meia ao circuito de Zolder. O ritmo não abrandou, a estrada era propícia a velocidade elevada e rapidamente o pelotão se aproximava do final da etapa. No final, a vitória sorriu a Fabio Jakobsen! O sprinter da Deceuninck-QuickStep vencia por menos de meia roda à frente de Fernando Gaviria, conquistando uma vitória emocional! Amaury Capiot completou o pódio.




Esta é uma vitória muito marcante para a carreira da Fábio Jakobsen, a primeira desde o trágico acidente na Volta a Polónia do ano passado.

, , , , ,