Efapel Cycling fecha plantel 100% português com um sprinter e um trepador

Alguns dias após ter confirmado, oficialmente, a Efapel como principal patrocinador para a equipa de José Azevedo, o dono do Clube Ciclismo Kyklos Sport anunciou, na sua página de Facebook a composição do plantel para a temporada de 2022. Uma equipa 100% portuguesa e onde se confirmam os 8 nomes já revelados.



Confirmados por José Azevedo já estavam Fábio Fernandes vindo da Efapel, Francisco Guerreiro da Sicasal, Gaspar Gonçalves, Joaquim Silva e Tiago Antunes da Tavfer-Measindot-Mortágua, João Benta da Rádio Popular-Boavista, Pedro Andrade da Hagens Berman Axeon e Rafael Silva da Antarte-Feirense.

Existiam, ainda, 2 lugares em aberto, um deles seria para um sprinter e outro para uma possível oportunidade de negócio e foi mesmo isso que aconteceu. O homem rápido é o jovem Francisco Campos, ele que chega da W52-FC Porto, equipa onde esteve as últimas 3 temporadas. Um enorme talento da sua geração, o português de 23 anos é um sprinter muito completo, que passa bem a média montanha, muito parecido, em características às de Rafael Silva. Este ano conseguiu cinco top-10, incluindo a vitória no GP Anicolor.



O último reforço é Henrique Casimiro, que este ano foi 7º classificado no GP Jornal de Notícias, onde venceu uma etapa, e 10º na Volta a Portugal. Aos 35 anos, e depois de duas épocas na Kelly/Simoldes/UDO, o veterano trepador português é um dos ciclistas mais experientes do pelotão nacional, algo que ainda faltava à formação de José Azevedo. Corredor ainda muito competitivo e de muita qualidade, será fundamental no bloco de montanha composto por Joaquim Silva, João Benta e Tiago Antunes.

 

Foto: EfapelCycling

, , , , , ,