Nairo Quintana quebra jejum e confirma favoritismo na Vuelta às Asturias

A Vuelta às Asturias foi hoje para a estrada e com um forte toque português, para além da presença de Daniel Viegas e de Nelson Oliveira, na Eolo-Kometa e na Movistar, respectivamente, contou também com a formação do Louletano-Loulé Concelho, chefiada por Jorge Piedade. 3 dias com muita montanha e, infelizmente, sem transmissão televisiva.



Viu-se logo desde os primeiros quilómetros a presença lusa, com Daniel Viegas a integrar a fuga do dia, ao lado de José Manuel Gutierrez. O jovem ciclista português aguentou o ritmo do espanhol até aos 50 kms, mas também Gutierrez, da Gios, viria a sucumbir à força de um pelotão liderado principalmente pela Arkea-Samsic, tentando preparar o terreno para Nairo Quintana.

Tudo se decidiu na última subida, com 2 kms a cerca de 10% e bem perto da meta. Quintana arrancou e correspondeu ao trabalho da sua equipa, ainda teve companhia de Rubio e Latour por momentos, mas viria a distanciar-se de forma decisiva e mais ninguém o viu até à linha de meta, triunfando com 26 segundos sobre Antonio Pedrero e 27 sobre Pierre Latour.



A 49 segundos chegou um grupo perseguidor onde estava Nelson Oliveira, 8º na etapa, e o melhor elemento do Louletano – Loulé Concelho foi Jesus del Pino, que terminou em 45º a 4:31. É a primeira vitória de Quintana nos últimos 13 meses, mas agora a Arkea-Samsic terá um duro trabalho a defender a liderança do colombiano visto que a Caja Rural e a Movistar têm cada uma 3 ciclistas a menos de 1 minuto da frente.

, , , , , ,