Arnaud Demare continua imbatível e soma 4º triunfo no Giro!

Novo dia no Giro d’Italia e, desta vez, um dia mais calmo para os ciclistas presentes. A fuga fez-se logo nos primeiros quilómetros com Mattia Bais, Marco Frapporti, Sander Armee, Fabio Mazzucco e Francesco Romano.




Cofidis, UAE Team Emirares, Groupama-FDJ e Deceuninck-QuickStep colocaram todas um ciclista na frente do pelotão, mantendo a diferença estável. A 35 quilómetros da chegada, Armee e Bais atacavam na fuga, distanciando-se dos restantes companheiros. O belga mostrava-se o mais forte, deixando, pouco depois, o italiano para trás.

Armee seguia a um ritmo muito bom e chegava a perigar a luta ao sprint, uma vez que entrava nos últimos 10 kms com 1:16 de vantagem no entanto cedeu e foi apanhado a 6500 metros da chegada, num pelotão que seguia a toda a velocidade.




Várias foram as equipas a passar pela frente do pelotão mas, como nas restantes chegadas ao sprint, foi a Groupama-FDJ a aparecer na frente quando mais importava, na parte técnica. Em mais um lançamento perfeito, Arnaud Demare foi deixado na posição correta, arrancou na hora certa e conquistou a 4ª vitória neste Giro. Peter Sagan voltou a ser 2º, também ele pela 4ª vez, e Alvao Hodeg completou o pódio. João Almeida continua de rosa.

, , , , , , ,